Utilizamos cookies próprios e de terceiros para disponibilizar os nossos serviços e recolher informação estatística. Se continuar a navegar no Site,
aceita a sua instalação e a sua utilização. Pode alterar a configuração ou obter mais informação sobre a nossa política de cookies.
X
BUSCAR
 
border

FATORES DE INFLUÊNCIA

Fatores externos que afetam o cabelo

Produtos cosméticos para o cabelo

Lavar e pentear o cabelo pode nutrir o cabelo e o couro cabeludo - mas também o pode danificar.

Lavar o cabelo com frequência pode secar o couro cabeludo e levar à irritação, sobretudo se utilizar água muito quente, o seu champô for muito agressivo ou
se utilizar loções para o cabelo com álcool, géis ou sprays para pentear que
atacam a pele e o cabelo.
A temperatura da água não deve ser superior a 35 ºC, enquanto os champôs geralmente
só têm de ser aplicados uma vez e devem ser enxaguados abundantemente
após alguns momentos de atuação.
O champô só tem de ser aplicado duas vezes se o cabelo estiver muito sujo.

As permanentes e as colorações colocam demasiado stress na estrutura do cabelo
e podem irritar o couro cabeludo. Por isso, não devem ser utilizadas ao mesmo tempo,
se for possível.
Após fazer uma permanente ou pintar o seu cabelo, deve utilizar um champô
suave e nutritivo, de preferência para cabelo seco ou danificado. Os ferros para frisar,
os secadores de cabelo de pé e os secadores de cabelo normais têm principalmente um efeito negativo e,
ppara impedir que o seu cabelo se parta, fique como palha e com pontas espigadas, vai precisar de cuidados extra depois de utilizar um destes aparelhos.


Alimentação

O couro cabeludo e a raiz do cabelo das pessoas com uma alimentação normal recebem uma quantidade suficiente de nutrientes.

Embora casos rasos de malnutrição possam desencadear perturbações de crescimento do cabelo que eventualmente levem à queda de cabelo, normalmente a queda de cabelo é resultado de outras causas.

Não existem dietas especiais que estimulem o desenvolvimento de um cabelo bonito ou que impeçam a sua queda.


Clima

O couro cabeludo e o cabelo secam ao frio, ao calor e quando o nível de humidade é muito baixo.
O cabelo perde o seu brilho e fica baço, como palha e difícil de pentear.
Também desenvolve mais facilmente eletricidade estática.

O couro cabeludo fica ressequido e começa o prurido e a caspa.
Fica mais suscetível a ter irritações.

Sol

Os raios UV do sol não aclaram só o cabelo,
também podem secá-lo.
O couro cabeludo também perde frequentemente a sua hidratação
devido ao sol, podendo surgir o prurido e a caspa.
Se tem cabelo claro ou fino,
o seu couro cabeludo está mais suscetível a escaldões.

Poluentes ambientais

Os poluentes do ar atacam o cabelo e o couro cabeludo
e podem secá-los.
Isto pode causar irritação do couro cabeludo, com vermelhidão,
prurido e ardor, e também caspa.

Stress

O stress pode aumentar a sensibilidade de pele e prejudicar o crescimento do cabelo.


Envelhecimento

O cabelo e o couro cabeludo de uma pessoa ficam mais secos à medida que se envelhece. A perda de cor do
cabelo e o aparecimento de cabelos cinzentos é a alteração mais óbvia, e acontece quando as células de
pigmentação na raiz dos cabelos começam a parar de produzir melanina. Os homens podem começar a sofrer de
queda de cabelo induzida por hormonas a partir dos vinte e cinco anos, podendo levar à calvície. As mulheres mais
jovens com alterações hormonais e as mulheres mais velhas que estão a passar pela menopausa perdem
frequentemente cabelo devido à diminuição da produção de estrogénio, mas raramente progride
para a calvície que acontece nos homens.


 
NACH OBEN
border